Dicas e Truques

Os melhores e os piores alimentos para sua memória

Se você anda esquecido há relatos de alguns alimentos que podem ajudar ou piorar sua memória. Seu hábito alimentar pode ajudar ou prejudicar o seu cérebro a depender dos alimentos mais frequentes em suas refeições diárias.
Se o seu objetivo é turbinar o cérebro, investir em uma alimentação rica em frutas, especialmente as vermelhas, é uma dica.
Listamos, abaixo, alguns alimentos que você deve evitar ou incluir nas suas refeições. Confira:

Ovo

Este alimento é ótimo para o funcionamento dos neurônios e você pode incluir sem medo no cardápio. Isso porque a gema é rica em colina, substância precursora do neurotransmissor acetilcolina, fundamental para os processos de aprendizagem e formação de memórias.

Peixes

Outro alimento que você deve comer sem medo. Atum, salmão, sardinha e outros são fontes de ômega-3, uma gordura boa para as funções cognitivas, e zinco, mineral que preserva a integridade dos neurônios e melhora a comunicação entre eles.

Maçã e morango

Os amantes das frutas vermelhas podem continuar comendo sem medo, pois estes alimentos possuem fisetina, um antioxidante que protege as células cerebrais contra o stress oxidativo e danos inflamatórios e eleva a produção de neurotransmissores importantes para a atenção e memória.

O que evitar!

Assim como alguns alimentos ajudam o cérebro a funcionar melhor, outros podem prejudicá-lo causando prejuízo às funções cognitivas. Açúcar, alimentos industrializados e gorduras saturadas, por exemplo, têm ação inflamatória no organismo, inclusive no cérebro, o que está ligado ao desenvolvimento de doenças como Alzheimer e depressão.

Como está a sua alimentação? Conte aqui para a gente

Editorial do Direto do Forno

Escrito por

Equipe editorial do blog direto do forno. Somos apaixonados pelo mercado do food service, gastronomia e tendências do mercado.
PMG Express